terça-feira, 7 de abril de 2015

Resenha 50 Tons de Cinza: Se você for fã, não leia isso!

Genteney!

Faz quanto tempo que não piso aqui?
Um, dois séculos?
Nada de especial para falar!

Na verdade, vim fazer uma resenha assanhada (criticando muito) do filme 50 Tons de Cinza.


    ÉEEE!!! EU TAMBÉM ASSISTI!

    Nada como me deparar com uma situação, onde eu acho que o filme irá me surpreender, coisa que o livro não fez. Agradeço inclusive ao meu amigo Walters, por ter me dado aquele livro de aniversário no ano passado, pois isso me poupou dinheiro!
     Anastácia Steele é uma chata de galocha! Pra falar a verdade, depois que terminei aquele livro, com todas as decepções possíveis que pude, depois, ter a oportunidade de superar, não suportei o fato de a história ter sexo dos bons, e acabar com uma personagem principal estragando tudo por causa de sua personalidade tão... Bella Swan (só que multiplicado por 10!).
     Eu sei que muitos leitores (se é que alguém ainda acompanha este blog) vai ter visto em váaaaarios lugares essa comparação: 50 Tons de Cinza nada mais é do que um Crepúsculo com sexo Sadomasoquista.
     Mas é por que não tem para onde correr mesmo, sabe? É a única coisa que vem à mente para podermos comparar.
     Pois bem! Voltando ao filme. Antes de tudo, quero dizer que eu não assisti no cinema D: e consegui baixar ele em HD, só que, com legenda em japonês (muitos risos). Até aí, tudo bem, por que eu falo inglês e me viro quanto a legenda. O negócio é que parece que os cara cortaram algumas cenas NA CARA DURA!
     Mas só que, tudo bem até então! Já que, as cenas eram bem sensuais mesmo, e a trilha sonora do filme magnifica (acho que é uma das únicas coisas boas no filme. A outra é a cara de sexy do Jamie Dornan no filme inteiro!). Inclusive, devo confessar que a Dakota fez um EXCELENTE papel interpretando a sonsa.          Até por que cá pra nós: mete sonsera nisso viu?! Que personagenzinha mais nojentinha cheia de mimimi! (desculpa aos fãs, mas é isso!). (detalhe que o peito dela não é tão bonito assim u.u falo mermo!)
     Bem, um ponto que eu gostei no filme, é que ele não tem muita enrolação. O filme começa e com poucos minutos eles já se conhecem e o pessoal já saca qual é a parada que ta rolando ali. O Grey, meio Edward só que humano, e a Ana mais do que Bella só que mais retardada.
     Eu fico me perguntando o que leva a um cara, olhar para uma mina e pensar: "Nossa! Ela não tem qualidade nenhuma! Quero casar com essa gata já! Olha só isso! Ela só tropeça e não sabe nem ficar sozinha por um instante sem colocar a vida dela em perigo! MDS, é esse tipo de mulher que preciso na vida para sempre!..." (sendo sim exagerada, por que no fundo, mesmo que você discorde, sabe que é isso!)
     Daí, para atingir o ápice, em vez de querer beber o sangue dela o tempo todo, ele só pensa em bater nela o tempo todo. (e cá para nós, amigos leitores que me conhecem e sabem quem comigo não tem eira e nem beira, eu até curto uns tapas... mas tudo tem limites senhoritos! Não que eu queira criticar os fetiches de ninguém. Até por que fetiche é fetiche! Eu falo em relação a ela saber que ele é assim, querer que ele pare de ser assim, mas dar brecha para que ele seja assim com ela. No Compreendo!)
     Depois de dar tantas voltas, e as vezes até ficar chato, o filme acaba ainda na expectativa de que realmente algo extraordinário vai acontecer. Que o Christian vai revelar todos os seus segredos obscuros para a Ana e ela vai entender coisas como o fato de ela não poder nunca tocar nele, por exemplo.

     SÓ QUE ISSO NÃO ACONTECE. E ALÉM DE TER QUE ATURAR TODO O DRAMA, TEMOS QUE FICAR COM UMA ICOGNITA NA CABEÇA (que só vai entender, obviamente, quem leu a trilogia. E como eu não fiz isso, vou ficar aqui me perguntando o que virá a seguir, com raiva!).

Galeris, beijo no coração de vocês!
Tenho que vir aqui depois para contar um resumo do que aconteceu comigo nestes últimos meses em hiato. :*


Um comentário:

Giovanna Coutinho disse...

Amem você voltou a ativa <3 e sobre a resenha: SIM APENAS ISSO, mano não entendo como algo tão ble chama tanto a atenção das pessoas e tem um público absurdamente grande... Enfim, trate de voltar a ativa com o blog, viu, moça bonita <3